11ª Edição do Programa Nossa História acontece na véspera do Dia da Bandeira

Nesta quinta-feira (18), às vésperas do Dia da Bandeira, uma garoa fina caiu sobre os ombros dos convidados para hastear os pavilhões na Câmara Municipal de Osasco. O Programa Nossa História, iniciativa da Frente Parlamentar Nossa História, promoveu sua 11ª edição, convidando o ex-vereador José Fortunato Sirol para hastear a bandeira do Brasil; o jornalista Gurupy Martins para hastear a bandeira de São Paulo; e a professora Magda Camargo Barbosa Ferrari para hastear a bandeira de Osasco.

Diretora do Centro Educacional Unificado José Saramago, Magda Ferreira é de família osasquense. Seu avô paterno chegou de Minas Gerais em 1950 e, ao lado de Luiza de Freitas, constituiu família e construiu uma história no Jd. Jaguaribe, bairro onde Magda ainda reside. Filha de Jesuíno Freitas Barbosa e Matilde da Graça Camargo Barbosa, Magda agradeceu sua família pelas oportunidades que teve. “Eu só tenho a agradecer, especialmente à minha mãe à minha família. Acordo todos os dias com amor, fé e gratidão. Quero agradecer ao meu amigo Josias, à secretaria de Educação (especialmente ao Toste), que acreditaram em mim. Mas, sei que graças à minha estrutura familiar, sou o que sou”, disse Magda.

Jornalista, produtor e apresentador na TV Câmara Osasco, Wisney “Gurupy” Martins chegou em Osasco no ano de 1986, onde casou-se, teve duas filhas e fez carreira no rádio. Por anos, foi âncora do Programa Cidade Alerta, da Rádio Nova Difusora. Na Câmara Municipal, foi assessor de impressa de dois presidentes — José dos Santos Sasso e José Barbosa Coelho. São mais de 30 anos de trabalho dedicados ao serviço público. Wisney Martins é conhecido como “Gurupy”, justamente por ter nascido na cidade de Gurupi, no Tocantins. Curiosamente, em Gurupi, Wisney é conhecido como “Osasco”. “Minha história com as cidades que amo continuam se misturando”, brinca o jornalista.

“É um prazer estar fazendo parte dessa festa bonita, muito obrigado”, falou Gurupy, que agradeceu especialmente o presidente da Câmara de Osasco, vereador Ribamar Silva, e o ex-vereador Sebastião Bognar, atual assessor do vereador Rogério Santos e organizador do Programa Nossa História.

Aos 80 anos, José Fortunato Sirol, filho de italianos que chegaram em Osasco por volta de 1930, tem uma biografia cheia de histórias. Inclusive por ter sido um dos primeiros servidores públicos do município de Osasco. Foi eleito vereador em 1982, na 6ª Legislatura, e também obteve experiências no Poder Executivo municipal. Desta vez, Sirol preferiu falar pouco. “Eu não sou bom de usar a palavra. Mas, aproveito para cumprimentar a todos e agradecer pelo convite. Quero registrar minha satisfação por estar participando desse evento que me deixa muito orgulhoso. Agradeço pela oportunidade”, esclareceu Sirol, que estava acompanhado da esposa e professora Ilda Longhi.

Presidente da Frente Parlamentar, o vereador Rogério Santos (PL) agradeceu a todos que hastearam as bandeiras, lembrando a cada um a importância de suas profissões e a contribuição que dão para Osasco.

“Gurupy, vocês comunicadores fazem de seu trabalho uma ação para dar visibilidade aos acontecimentos. Magda, apesar de diretora de uma escola tão importante, seu título mais nobre é ser professora. Tudo passa pela educação e os professores realmente trabalham para a evolução da cidade. Sirol, todos os que passam pelo poder público são semeadores. Cada um semeia o que traz, e o senhor trouxe boas sementes”, afirmou Rogério Santos.

O vereador Josias da Juco (PSD) reforçou os agradecimentos de Rogério Santos e falou sobre o papel das pessoas na história de Osasco. “Esse é um momento especial para Câmara Municipal. Estava observando a biografia dos que estão aqui hoje. O ato do hasteamento é nobre e esperamos alcançar muitas pessoas. E as biografias dos convidados que estão aqui contam a histórias de seus pais, de suas próprias vidas e de onde trabalham. Estamos aqui colhendo frutos daqueles que semearam”, exaltou Josias.

Por Ana Luisa Rodrigues

Fonte: osasco.sp.leg.br