Bolsonaro busca diretor ‘tampão’ para comandar a PF

Segundo a matéria publicada pelo jornal ‘Folha de São Paulo’, o presidente da República, Jair Bolsonaro, ainda não desistiu de nomear o amigo Ramagem, e por isso solicitará embargos de declaração ao STF para saber como ficará a questão.

Na quinta-feira (30), o presidente solicitou que a AGU (Advocacia Geral da União), recorra da decisão monocrática do ministro Alexandre de Moraes, porém, a ideia da equipe técnica com os embargos de declaração é agir apenas após saberem a extensão em que se baseia a decisão do ministro, que atendeu ao pedido do PDT, que alegou ”Abuso de Poder por desvio de finalidade”.

Nos bastidores, Bolsonaro tem criticado com veemência a decisão, mas em contrapartida está concentrando seus esforços na procura por um nome que deverá assumir o posto do comando da Policia Federal provisoriamente.